• Estratégia Competitiva

Estratégia competitiva compreende um conjunto de ações, proativas ou responsivas, de uma organização frente a um complexo enredo que inclui as ações de seus competidores e consumidores, o arcabouço jurídico e institucional em que está inserido, e ações do governo/outros agentes que compõe seu mercado de interesse. Os objetivos deste conjunto de ações são quase sempre gerar crescimento sustentável para o negócio no longo prazo, mas os caminhos para atingir este objetivo maior podem variar consideravelmente, passando inclusive por objetivos divergentes no curto prazo.

Para ajudar organizações no desenvolvimento de uma estratégia competitiva assertiva e eficaz, a 4E conta com dois níveis de atendimento. O primeiro consiste em um conjunto robusto de produtos regulares, divididos em Macroeconomia e Política, e Regional e Setorial, com relatórios de leitura ágil, bancos de dados e projeções para um grande número de indicadores. Neste nível de atendimento o objetivo é municiar clientes que desejem desenvolver suas estratégias internamente com informações relevantes e independentes. O segundo nível de atendimento é voltado para o desenvolvimento conjunto de estratégias competitivas específicas. Neste caso, além de prover informações e insights relevantes, a 4E ajuda seus clientes a traduzi-las para a realidade de seus negócios, chegando em uma estratégia de mercado ótima para atingir objetivos de curto, médio e longo prazos.

No que tange o desenvolvimento de estratégias competitivas, em conjunto com o cliente, a 4E oferece o seguinte conjunto de serviços:

i. Estimação de Demanda: A partir do fornecimento de informações de resultados das empresas parceiras, projetamos o potencial das vendas de um produto ou de uma linha de produtos de acordo com as especificidades do mercado tratado, primando pela coerência com o cenário econômico da 4E.

ii. Análises de impactos setoriais/regionais: A partir de modelos de insumo-produto estimados de acordo com as necessidades da contratante investigamos a interpendência entre setores produtivos, assim como derivamos efeitos multiplicadores/geradores de produto, renda, imposto, emprego, megawatts e carbono associados a choques na demanda final.

iii. ROI (Return on Investment): Estimamos o retorno efetivo de investimento de diversas naturezas realizados pelos clientes, desde uma renovação no parque produtivo até gastos com publicidade. Utilizamos teoria do portfólio para estimar mix ótimo de mídias online e offline.


CADASTRE-SE E RECEBA TODOS OS DESTAQUES GRATUITAMENTE