• Setorial e Regional

Introdução

Estratégia competitiva compreende um conjunto de ações, proativas ou responsivas, de uma organização frente a um complexo enredo que inclui as ações de seus competidores e consumidores, o arcabouço jurídico e institucional em que está inserido, e ações do governo/outros agentes que compõe seu mercado de interesse. Os objetivos deste conjunto de ações são quase sempre gerar crescimento sustentável para o negócio no longo prazo, mas os caminhos para atingir este objetivo maior podem variar consideravelmente, passando inclusive por objetivos divergentes no curto prazo.

Para ajudar organizações no desenvolvimento de uma estratégia competitiva assertiva e eficaz, a 4E conta com dois níveis de atendimento. O primeiro consiste em um conjunto robusto de produtos regulares, com relatórios de leitura ágil, bancos de dados e projeções setoriais/regionais para um grande número de indicadores. Neste nível de atendimento o objetivo é municiar clientes que desejem desenvolver suas estratégias internamente com informações relevantes e independentes. O segundo nível de atendimento é voltado para o desenvolvimento conjunto de estratégias competitivas específicas. Neste caso, além de prover informações e insights relevantes, a 4E ajuda seus clientes a traduzi-las para a realidade de seus negócios, chegando em uma estratégia de mercado ótima para atingir objetivos de curto, médio e longo prazos.

SETORIAL e REGIONAL

Os relatórios setoriais da 4E são agregados por quatro grandes drivers de demanda para as vendas das firmas - Consumo das Famílias, Setor Externo, Investimento e Setor Público -, já os relatórios regionais é único e discute o desempenho das 27 unidades da federação.

Os relatórios conjunturais setoriais abrangem 4 grandes setores:

i. Consumo das Famílias - este produto traça um panorama conjuntural dos principais condicionantes do consumo das famílias, tais como confiança e renda, e da evolução de indicadores diretos de consumo (PIB do consumo das famílias) e indiretos (volume de vendas do comércio). Setores cuja demanda está intimamente ligada à demanda final das famílias são aqueles associados à cadeia agropecuária e de vestuário, assim como setores produtores de farmacêuticos, de produtos de higiene e limpeza, de bens duráveis (eletrodomésticos, móveis, etc.) e de serviços.

ii. Setor Externo - este relatório dedica-se aos mercados das principais commodities agropecuárias, metálicas e energéticas, apontando as perspectivas de demanda e de oferta desses mercados. Busca atender cadeias produtivas cujas demandas se relacionam fortemente ao setor externo, a exemplo das cadeias agropecuária, metalúrgica e papeleira.

iii. Investimento - voltado aos principais setores formadores brutos de capital fixo, este produto esmiúça o cenário para a demanda e oferta nacionais dos setores da Construção, Automobilístico e de Bens de Capital. Tal panorama revela-se crucial para a construção de cenários para as vendas de setores como o setor extrativo; o setor metalúrgico; e o setor de serviços de tecnologia da informação, os quais são intimamente ligados à demanda de investimentos.

iv. Setor Público - nesse relatório busca-se desenhar a evolução de condicionantes da demanda governamental, destacando-se o desempenho das receitas e despesas da Administração Pública, assim como a dinâmica da dívida governamental. Os setores da Construção, Saúde Mercantil, Farmacêutico, Alimentação e de Serviços de Vigilância e Segurança tem como importante driver de demanda o consumo governamental.

No tocante à análise Regional, o trabalho da 4E organiza-se em torno da estimativa do PIB regional das unidades federativas. Nossas estimativas são realizadas tanto a partir e de metodologia própria, calcada em informações públicas estaduais, quanto a partir de metodologias já consolidadas em órgãos estatísticos nacionais. Como resultado, a 4E possui dois conjuntos de produtos regionais:

i. PIB estadual mensal – estimativa da série histórica e projeções de curto e longo prazo para o PIB estadual mensal.

ii. PIB estadual setorial trimestral – estimativa da série histórica e projeções de curto e longo prazo do PIB estadual trimestral para os principais setores da economia.

Todas as projeções são atualizadas e consistentes com o cenário macroeconômico da 4E. Ademais, trimestralmente, a 4E produz um relatório com os principais destaques da evolução recente do PIB por estado, apontando suas perspectivas.

A fim de assessorar a tomada de decisão das empresas contratantes, a 4E também oferece o serviço de Banco de Dados setoriais/regionais, com histórico de dados e projeções para o conjunto de informações apresentadas nos relatórios de drivers de demanda setoriais e de informações estaduais de alta frequência.

Atendimento Personalizado

A 4E oferece atendimento personalizado de analistas, a fim de auxiliar eventuais demandas acerca das análises desenvolvidas, esclarecendo eventuais dúvidas correlatas. A interação entre os analistas e a equipe da contratante pode se dar, ainda, por meio de Palestras, Reuniões e Conference Calls, também oferecidos pela 4E.


CADASTRE-SE E RECEBA TODOS OS DESTAQUES GRATUITAMENTE